logo pb

RetratoFalado

RetratoFalado 2

RETRATO FALADO
de João Fazenda e Pedro Silva Martins

Jorge vive dentro de uma moldura muito especial numa casa cheia de fotografias. Os seus pais às vezes não sabem onde é que ele anda porque o Jorge adora saltar de fotografia em fotografia e descobrir as suas histórias.

Com texto de Pedro da Silva Martins, através da projeção e manipulação de desenhos da autoria do ilustrador João Fazenda, e acompanhado pela música e voz de Bruno Humberto, vamos conhecer a incrível aventura do Jorge que nasceu feito de papel e tinta e se transformou em alguém que gosta mesmo é de desenhar!

Um espetáculo que recorre a meios muito simples para contar uma história sobre as imagens, a memória e a liberdade da imaginação. Através da projeções de imagens manipuladas a partir de um retroprojector e um projetor de slides, da música feita ao vivo e da voz do narrador, ficamos a conhecer a história do Jorge, um menino que nasceu em fotografia e que vive numa casa feita só de álbuns de fotografias. As projeções misturam desenho ao vivo com transparências, sombras chinesas e slides, acompanhadas pelo narrador que também toca pequenos instrumentos e cria sons variados. Tudo isto é feito à vista do público para permitir que assista ao espetáculo e simultaneamente possa ver como é feito.

Ficha Artística
Autoria: João Fazenda e Pedro da Silva Martins

Direção artística
Desenho ao vivo, manipulação de imagens e recortes: João Fazenda
Texto: Pedro da Silva Martins
Música, sonoplastia e narração: Bruno Humberto

Uma coprodução e encomenda
Maria Matos Teatro Municipal (2014)

Duração: 35 min
Lotação: 80 pessoas
Stage One Produção Executiva e Difusão